Mensagem para a Páscoa 2020

Caros Salesianos Cooperadores e Salesianas Cooperadoras, Delegados, Delegadas e Conselheiros mundiais:
Estamos vivendo a Páscoa e com prazer quero compartilhar esta mensagem com todos vocês.
A emergência de saúde que estamos enfrentando atualmente está mudando nossos hábitos diários. As restrições, que estão sendo implementadas em muitos países, nos forçam a um isolamento social em que nunca teríamos pensado.
Todos nós, em vários níveis: família, trabalho, associação, estamos envolvidos e essa situação não nos deixa indiferentes. Essa emergência entrou em nossas vidas violentamente e, às vezes, achamos difícil reagir.
Mas não devemos desanimar.
Como Salesianos Cooperadores, somos chamados a viver nossa promessa nas condições de vida em que nos encontramos. Mesmo agora que existe essa pandemia.
No Congresso mundial de Roma, realizado em 2018, como Associação de Salesianos Cooperadores, aprovamos os desafios pelos seis anos seguintes, focando em muitos aspectos que também nos desafiam neste período.
Vamos prestar atenção às famílias, começando pelas nossas, sendo portadoras de esperança para aqueles que moram perto de nós; se preocupar se eles têm o que precisam para viver, porque pode haver famílias onde não há trabalho. Cuidemos dos idosos e dos doentes, fazendo com que sintam nossa presença da maneira que cada um pode fazer melhor.
Vamos prestar atenção aos jovens que, no momento, se sentem desorientados. Eles são forçados a levar um estilo de vida que nem sempre é próximo do desejo natural de se unir e estar com outros jovens. Vamos nos tornar pontos de referência, como adultos na fé, para transmitir sua esperança para o futuro.
Vamos compartilhar com eles experiências do passado em situações semelhantes (terremotos, guerras …), a fim de ajudá-los a entender que, juntos e com confiança, superaremos até esses dias difíceis. Estamos convencidos de que: “Tudo ficará bem”.
Prestemos atenção aos Salesianos Cooperadores, Delegados e Aspirantes de nossos Centros, para evitar que eles sintam o sentimento de abandono que pode ser criado devido à dificuldade de se comunicar, de se encontrar fisicamente. Sejamos atentos e próximos às famílias dos que morreram dessa pandemia.
Vamos manter contato com todos os irmãos e irmãs da Família Salesiana nas realidades em que estamos inseridos. Eles fazem parte da nossa família e também devemos ter gestos de atenção em relação a eles.
Agradecemos as palavras do Papa Francisco, que nos convida a revelar a criatividade do Amor.
Ser criativo, como somos salesianos, deve ser a nossa marca.
A mídia atual está nos ajudando (videochamadas, wasap …). Vamos usá-los para espalhar a esperança.
Dediquemos o tempo dedicado à oração, treinamento e formação, mantendo os relacionamentos vivos, mesmo que apenas por telefone.
Vamos encontrar novas maneiras de estar ao lado de todos os irmãos que encontramos, mesmo com solidariedade econômica, por meio de iniciativas locais. Neste momento, os contatos com cada uma dessas situações que cada Centro conhece são mais eficazes.
Não podemos deixar passar os dias sem vivê-los como protagonistas no local em que nos encontramos, com os meios que temos disponíveis, ficando em casa e respeitando as regras ditadas pelos diferentes governos. Esta é também uma maneira de concretizar o nosso ser “bons cristãos e cidadãos honestos”.
O entusiasmo, a alegria e a esperança que podemos dar neste momento são baseados na certeza de que o Senhor não nos abandona.
Ele está entre nós agora, embora às vezes seja difícil ver sua presença, ele nos apóia e nos convida a ter esperança.
Ele, que passou pela cruz na Sexta-feira Santa, continua nos dizendo que a Páscoa chega mais tarde.
Essa é a criatividade do Amor que devemos fazer emergir em nossa vida diária em todos esses dias.
Desejo a todos e a todos os seus entes queridos uma feliz Páscoa do Senhor.
Verdadeiramente Cristo ressuscitou.

O Coordenador mundial

Baixar PDF
Guarda Video Messaggio